OS VERSOS QUE TE FIZ

 

Ana Teresinha Drumond Machado

 

 

Alvinópolis vista das "Abelhas".

Foto : Gjunior - 2010

 

 

Deixa dizer-te os versos que fiz

Por celebrar honrosa tua raiz

E, no calor do abrigo filial,

Envolver-te e abraçar-te. Afinal,

 

Cento e vinte velas irá delir

Teu  povo. Ao celebrar nobre data,

Radiante tua crença irá espargir.

Tua coroa bem mais que de prata...

 

São sedas ruborizadas a arder

 O alvimineiro prazer de tão caros

filhos teu. Criados versos... a agradecer!

 

Terra adorada! Benditos amparos

Criastes aos teus filhos enzimáticos.

Abandonar-te?! Somente os lunáticos!

 

 

Ana Teresinha Drumond Machado é alvinopolense, professora e escritora.

Email : anmchd@robynet.com.br

 

Colunas anteriores