Vinhos elaborados por mulheres

 

Antônia Neves

 

 

 

Numa tarde chuvosa de março, meus confrades e eu marcamos de nos encontrar para mais uma rodada de trabalho degustando vinhos. (Que trabalho heim!!!!)

Desta vez, o tema escolhido foi relativo ao dia/mês que se comemora o Dia Internacional da Mulher – 08 de março – “VINHOS FEITOS POR MULHERES”.

Mas como no mês de maio se comemora o “DIA DAS MÃES” e como toda mãe é mulher, gostaria de documentar aqui as impressões dos vinhos degustados e quem sabe poder auxiliar a escolha de um presente à mulher que nos criou com uma cria de outra mulher.

Foram sete vinhos degustados e analisados, resultando em avaliações desde Ruim, Razoável, Bom, Muito Bom e Excelente, ou seja, numericamente falando de 0 a 5.

A degustação foi realizada às cegas e os vinhos abertos e escolhidos aleatoriamente.

 

LEYDA SAUVIGNON GRIS 2007 14% 

KADUN VINEYARD/Valle Leyda

CHILE

 

Importadora:  Grand Cru .  R$ 65,00

Rolha : screwcap ( de rosca).

Enóloga :    Viviana Navarrete

Cor: amarelo palha claro sem reflexos, muito límpido, brilhante.

Aroma: cítricos, abacaxi, marmelo, pêra, floral, mel e marcante mineral. Muito intenso e persistência agradável no nariz.

Boca: acidez marcante, intensa mas, ao final macio, pelo alto teor de álcool. Retrogosto floral e cítrico intenso e bem persistente. Gostei muito

Dos 8 participantes: a maioria avaliou como BOM.

Ficou uma dúvida sobre os aromas inicialmente percebidos por uma das participantes, sobre um toque de evolução no aroma, um pouco desagradável, que depois de certo tempo na taça desapareceu.

Custo X benefício: Ruim (ou seja: considerado caro pela qualidade avaliada).

                   

GRAÇA ROSÉ 2007 13,5%

ALENTEJO

PORTUGAL

 

Enóloga : Graça, mulher do proprietário

da vinícola CSR 

Importador Decanter

Loja Espírito do Vinho : R$ 70,00

Corte: 90% aragonêz e 10% trincadeira.

Cor: Rose Brilhante – blush, pele de cebola escura.

Aroma: frutado: morangos maduros, framboesas, leve torrefação e vegetal

Boca: levemente frisante, corpo de médio para leve, pouca acidez, macio parece ter açúcar residual aparente, final amarguinho, sem personalidade forte.

Final de copo: goiabada, torrefação com doce, geléia.

Avaliação : Razoável         

Custo X benefício: Ruim

 

 

ZOHAR MALBEC 2008 13,5%

DOMÍNIO Del PLATA – AGRELO

ARGENTINA

 

Enóloga: Suzana Balbo – Importadora Cantu – R$ 49,00 

Cor: púrpura escuro, muitos antocianos e menos polifenóis, a cor muda rápido (Ruan)

Aroma: intenso, profundo. Frutas vermelhas maduras, madeira, ainda fechado; um pouco de gás em excesso.

Boca: jabuticaba, leve amargor, muito jovem. Café, baunilha no reprogosto. Bem macio, bom corpo, boa intensidade e persistência baixa. Deve-se esperar um pouco mais para ser degustado. Vinho comercial.

Avaliação:  Bom.

Custo X benefício: bom

 

QUINTA DA PACHECA 2004 14%

DOURO

PORTUGAL

 

Enóloga: Maria Serpa Pimentel

Importadora Vinci R$ 61,95

uvas: Touriga Nacional, Tinta Roriz e Touriga francesa (tinta barroca)

Cor: rubi escuro

Aroma: frutas maduras, madeira, eucalipto, mineral, terroso, aroma ainda fechado.

Boca: macia, taninos bons, equilibrado com boa acidez, bom corpo, média intensidade e persistência, elegante.

Avaliação: Muito bom

Custo X beneficio: razoável

 

  

CRIOS MALBEC 2007 14%

DOMINIO DEL PLATA – AGRELO

ARGENTINA

 

Enóloga: Suzana Balbo – Importadora Cantu – R$ 45,00

Cor: púrpura escuro

Aroma: melado, frutas cozidas, geléia, cofiture, rapadura, amora cassis, violeta, musgo. Baunilha.

Boca: taninos macios e maduros, retrogosto doce das frutas e baunilha; pouca acidez, pouca persistência .

Avaliação: Bom.

Custo X beneficio: ruim

 

 

ENSAIOS 2006 13,5%

FILIPA PATO - BEIRAS

PORTUGAL

 

Enóloga: Filipa Pato

Importadora Porto a Porto : R$ 46,00

Corte: Touriga Nacional, Jaen, Baga

Cor: rubi

Aroma: nariz complexo, frutadas vermelhas, violetas, couro, especiarias, vegetal, ótima intensidade e persistência.

Boca: ótima mas quase enjoativo devido as frutas muito maduras adocicada; médio corpo e média intensidade e persistência.

Avaliação: Bom /Muito Bom. 

Custo X Beneficio: muito bom

 

 

DOMAINE CONTÉ GRAN RESERE 2003 14,5%

BERINGHER – CURICÓ

CHILE

 

Enóloga: Laurence Segate

Importadora Zahil  R$ 80,00

Uvas: Cabernet Sauvignon de Maipo e Merlot de Rapel, só elaborado em safras de qualidade excepcional.

Cor: Rubi escuro, profunda

Aroma: sedutores; floral: violetas; frutas vermelhas, tostado, café, baunilha, chocolate, cedrinho. Sutil e elegante, persistente

Boca: taninos macios, bom corpo, boa acidez, muito bem equilibrado, longo retrogosto frutado.

Avaliação: Muito Bom 

Custo X Benefício: bom

 

 

 

Com esta amostragem podemos ver nesta análise feita por profissionais gabaritados, que os vinhos elaborados por mulheres em sua maioria já são de alta qualidade. E olha que limitamos os vinhos a R$ 80,00. Isso demonstra que o chamado sexo frágil vem ganhando destaque na enologia como já acontece na gastronomia, que até ha alguns anos atrás era um mundo majoritariamente masculino.

Como também maio é o mês de “Maria”, dedico a todas as mães os melhores vinhos do mundo, principalmente os elaborados por mulheres, considerando que o melhor vinho do mundo é aquele de que gostamos naquele momento em que o estamos degustando e o que podemos adquirir.

 

Antônia Neves é alvinopolense.

Contato : alvinews14@gmail.com