A história do VERDE TERRA

Parte I

 

 Manoel Barcelos

 

A música vai entrando na juventude alvinopolense.

 

Fim da década de 70... Início dos anos 80

O EMBRIÃO DE TUDO

 

Para que os internautas que acessam o Alvinews, os conterrâneos  de Alvinópolis e também os admiradores do VERDE TERRA em todo mundo, vou descrever alguns detalhes que deram origem a essa querida banda, que agora em Fevereiro de 2009, completará exatamente 29 anos de vida.

 

Eu, Neo Gêmini, ou Manoel Barcellos, acompanho o Festival de Alvinópolis como testemunha ocular desde 1978,  quando esse foi realizado no Colégio Prof.Cândido Gomes( já na sua  localização atual ) e também nos salões do Alvinopolense Futebol Clube, devido a problemas de chuva e também equipamentos de sonorização.

Nesse ano de 1978, meu amigo de infância e grande músico Marcos Martino, que aprendera tocar violão há alguns meses (através de alguns ensinamentos de seu primo Nivota), participou pela primeira vez do Festival de Música de Alvinópolis com a música "Venha", de sua autoria, com a participação do grupo "Os Heltons" de Alvinópolis, que faziam a sonorização do evento.

Apesar de não ganhar nenhum prêmio, foi bastante aplaudido e fiquei com a certeza que meu grande amigo se tornaria um músico fora de série.

No ano seguinte, em 1979, ele inscreveu várias músicas (todas de sua autoria).

A canção "O navegador" foi pré selecionada e apresentada no Festival, interpretada pelo vocalista Nicolau Ross (filho de Da. Vivina da rua de cima, Parte Alta), juntamente com o grupo "Os Heltons".

Com uma bela letra, que descreve o descobrimento do Brasil e ótima interpretação de todo grupo, a música foi classificada para a final, disputando ponto a ponto os primeiros lugares.

Ao final ficou em 4o. lugar. Muitos achavam que merecia o 2o. ou 3o.

Naquele festival as notas ainda eram ao vivo e todo o público acompanhava.

Houve muita polêmica...

O nível do festival estava altíssimo, com músicos veteranos e tarimbados nesse evento.

Mas, o resultado em si, animou bastante o Marcos e seus familiares, amigos e colegas.

Afinal, com apenas 15 anos, sua veia de compositor de qualidade era uma realidade.

Inclusive o jurado Luis da Viola, juntamente com o Frederico Barcelos Souza, deram a sugestão que Marcos e seus amigos criassem em Alvinópolis um grupo musical, para participar de festivais pelo estado de Minas e Brasil, difundindo a cultura de nossa cidade.

Todos ficamos super empolgados. E partir de então surgiram muitas coisas..

Uma delas foi a criação dos "INVASORES 200L, o grupo que antecedeu ao Verde Terra.

E foi batizado pelo amigo, o Dr. Marcone Pena Mascarenhas, o popular "Pâina"

Fizemos uma camisa com o nome do Conjunto, mas quando chegamos no Ninho da Àguia, Celsinho de Campeão perguntou o que era invasores 200L.

Todos caímos na risada.

Na verdade era pra ser Invasores 2001, mas na hora de pintar o 1, saiu parecido com L.

Pra não ficar explicando muito, deixamos pra lá.

 

Em breve a segunda parte desta história.

 

Abraços aos internautas.

 

NEO GÊMINI

Músico/baixista/compositor/poeta

Baixista da banda de rock PAU COM ARAME de B.Horizonte

Autor dos livros Século Agonizante (1999), No mundo com as mulheres" (2002)

e "Memórias Atemporais" (2004)

Integrante, baixista e um dos fundadores do grupo VERDE TERRA

www.neogemini.com.br