Casos engraçados do Futebol de Alvinópolis

 

O diagnóstico perfeito

 

José Silvério de Carvalho

 

 

         O Industrial Sport Club, fundado em primeiro de maio de 1937, sempre fez grandes festas por ocasião do seu aniversário. Sempre trazia grandes equipes da região, como Pontenovense, Jabaquara, Minas de Nova Era, Metalúrgico de Monlevade e outras.

Estas equipes dificilmente traziam a equipe B, vulgarmente conhecida como “Cascudo”, para fazer a preliminar dos jogos.

Numa destas grandes festas, nos anos 70, o Industrial convidou a equipe do Santa Cruz do Bairro Manoel Puig. A equipe aceitou prontamente o convite e levou a tira colo, como era de costume, a torcida do Alvinopolense para dar uma força, pois a maioria dos seus atletas jogavam também no alvinegro local.

O estádio do Industrial esta cheio e o jogo começou quente, com a torcida alegre, brincando com os jogadores, num clima de diversão total.

 

 

A escalação da equipe do Santa Cruz foi a seguinte :

Mario Bentinho, Chambeta, Dico de Vanja, Bingota, Gonçalo e Zé Teieiro.

Juvenato, Luiz Teieiro, Levi, o famoso ponta esquerda Toninho Miau, Beijim e Isaías.

Foto do acervo do Mauro Sérvulo

 

O Miau estava muito bem na partida, arrebentando com a bola.

Muitos gols saíram com o placar em 2 a 2 num jogo emocionante, com várias chances perdidas, que levavam ao delírio a galera.

Aos 43 do segundo tempo, de repente, Miau desaba em campo.

Foi aquele corre corre quando um jogador gritou.

- Chamem um médico!! Ele não está bem!!

Por sorte, havia um médico assistindo a partida, que prontamente, correu ao gramado para atender o Miau.

Incialmente tentou conversar com o atleta, que não conseguia falar direito.

Em seguida, verificou as pálpebras dos olhos do Miau, pediu ao pessoal para se afastar, para dar espaço e ar ao ponta esquerda.

Em seguida, olhou do outro lado do campo e avistou um carrinho de cachorro quente.

Imediatamente pediu ao Chambeta, atleta do Santa Cruz para que buscasse um cachorro quente completo, com muita pimenta para o Miau.

Chambeta agiu rápido e chegou com a encomenda do médico.

Este por sua vez, passou o sanduíche próximo ao nariz do Miau, pra lá e pra cá, e o veloz ponta esquerda foi despertando e deu um pulo. Agarrou o sanduíche e o devorou rapidinho.

Logo em seguida disse pro pessoal :

- Esqueci de falar pra vocês, eu não almocei hoje.

Em seguida, deu sinal de OK para o juiz e disse:

- Podem recomeçar, já estou bem.

Pra completar bateu o pé 3 vezes no gramado.

Bola rolando, finzinho do jogo, vem um cruzamento da direita.

Miau já recuperado, executa uma bicicleta a “Leônidas da Silva” e  manda na gaveta do goleiro azul, definindo o placar do jogo para o Santa Cruz.

 

Toninho Miau em 2005 - Foto Paulo César Hosken

 

A torcida fez a festa e não deixou barato este episódio.

Diagnóstico final do médico para o problema do grande atleta Miau : Fome.

 

Saudações Alvinopolenses.

José Silvério de Carvalho (Vidrilho)

Contato : alvinews14@gmail.com ou (31) 3495-2300